3826-3678 | 3826-5079        drguedes@drguedes.med.br

  • Como posso tratar as Varizes dos Membros Inferiores?

    Por fistem | 20 de abril de 2016

    Detectada a presença, a única maneira de eliminá-las é através de intervenções como cirurgia  e escleroterapia (ablação química ou simplesmente secagem das veias). A escolha do tratamento depende do tipo de veia, da condição clínica do doente, da localização e extensão do problema na veia, bem como da expectativa a respeito deste tratamento.

    Métodos de tratamentos conservadores, sem cirurgia ou escleroterapia, não curam ou previnem os problemas existentes nas veias. Entretanto, costumam ajudar a aliviar os sintomas como dor, inchaço, coceira e peso nas pernas, pelo menos temporariamente. Como métodos conservadores podem ser indicados o uso de meias elásticas e/ou uso de medicamentos flebotônicos, porém sempre com orientação médica. Na visão mais atual, as várias modalidades de tratamento são combinadas para a obtenção dos melhores resultados, tanto estéticos como para alívio dos sintomas.

    Quanto aos tratamentos efetivos podemos citar como principais técnicas:

    • Cirurgia convencional: os cirurgiões vasculares brasileiros acumulam provavelmente uma das maiores experiências mundiais neste método.
    • Termoablação ou Tratamento endovascular venoso: um método mais recente no Brasil, emprega fibras de laser ou radiofrequência para tratar a veia por dentro. O tempo de recuperação costuma ser um pouco menor.
    • Ablação química ou Escleroterapia: também conhecida como secagem, é a injeção de uma substância dentro do vaso ou veia doente fazendo sua inativação. E o método mais simples porém o que apresenta maiores taxas de recidiva em veias calibrosas.